Blog

Gestão de Pessoas: liderança, motivação e comunicação

Publicado em: 19-05-2017
Gestão de pessoas

Pensar em Gestão de Pessoas é pensar em liderança, ou seja, em um suporte para um grupo, equipe ou setor.

Gradualmente, as empresas estão percebendo que a figura dos chefes está sendo cada vez mais deixada de lado, dando lugar a uma liderança democrática. Por isso, é preciso estar sempre por dentro de práticas de liderança, motivação e desempenho.

Os líderes estão à frente de seus times e se tornam responsáveis pelo desenvolvimento de cada um de seus colaboradores, focando no potencial e nas necessidades de cada um.

Uma boa gestão de pessoas nas organizações exige uma visão sistêmica de seu líder, com uma boa dose de esforço e integridade, além do uso correto de algumas ferramentas que podem ajudar a gerenciar o negócio da melhor forma.

Mas como a gestão de pessoas pode ser ainda mais eficaz para um negócio? No post de hoje, listamos 8 práticas importantes que vão ajudar você a exercer uma boa liderança, despertar mais motivação nas pessoas ao seu redor e, de quebra, aumentar seu desempenho. Acompanhe!

Invista em sua equipe

É preciso se preocupar e investir nas potencialidades do seu capital humano e intelectual. Com um mundo acelerado e em transformação, contar com cursos, pós-graduações e novas experiências e oferecê-las ao seu time é uma das chaves para o sucesso. É preciso se adaptar ao novo!

Uma visão mais global e uma liderança democrática são essenciais. Ou seja, diretrizes, comunicação e decisões divididas com o grupo, assim como todas as tarefas. Por isso, uma gestão de presença envolve alguns pilares importantes, sendo:

  • provisão;
  • aplicação;
  • manutenção;
  • monitoramento de recursos humanos;
  • recompensas ao grupo.

Implante tecnologias

Tecnologia de ponta também pode ajudar. Você já ouviu falar em aplicativos de controle de ponto mobile? Ainda não?

Com ele, você pode controlar toda a jornada de trabalho de seus colaboradores — internos e externos — e ainda obter relatórios completos com as informações de cada um deles. Isso sim é facilitar processos e otimizar a atuação de todos, não é mesmo?

Outra solução da tecnologia que ajuda na gestão de pessoas é o software ERP — em português, Planejamento de Recursos da Empresa. Essa ferramenta integra todos os dados e setores da instituição, auxiliando na tomada de decisões importantes como seleção de funcionários para cargos de liderança, informações que ajudam na elaboração de um programa de treinamento da equipe, etc.

Motive os seus funcionários

É fato: todos gostam de receber elogios e sentir que estão sendo úteis para a empresa. Por isso, o líder precisa estar atento a como pode demonstrar que valoriza os serviços prestados pelos seus colaboradores. Essa atitude motivará muito a sua equipe.

Para dar elogios sinceros, é preciso prestar atenção aos funcionários e perceber os esforços que fazem para cumprir suas tarefas com eficiência. Se notar que um colaborador sempre faz mais do que lhe é pedido, o gestor deve falar o quanto aprecia essa atitude.

Alguns líderes costumam chamar um profissional de alto desempenho para uma conversa descontraída em um almoço ou no próprio escritório para lhe dar um retorno sobre o trabalho que realiza.

Eles também aproveitam essa oportunidade para agradecer ao colaborador pelos bons serviços prestados e mostrar qual cargo ele pode alcançar se continuar realizando suas tarefas com excelência. Não acha uma ótima maneira de motivar os trabalhadores?

Comunique-se com sua equipe

O que o líder pode fazer para estimular a comunicação entre os funcionários? Um modo de fazer isso e por meio dos feedbacks.

Para você ter uma ideia de como essa prática faz diferença, o site GTPW (Great Place to Work), em um de seus artigos, apresentou uma pesquisa sobre o nível de felicidade de funcionários de várias empresas.

O resultado do estudo mostrou que os trabalhadores que receberam de seus líderes mais de quatro feedbacks por ano eram mais felizes e confiantes. Colaboradores que trabalham com essa sensação de bem-estar tornam-se mais comunicativos.

Uma estratégia que tem sido adotada por grandes empresas para melhorar a interação entre gestores e sua equipe é a organização de happy hours. Por exemplo, a empresa SAS, desenvolvedora de softwares, comemora os resultados conseguidos pelos funcionários com um happy hour trimestral.

Durante esse evento descontraído, todos têm a oportunidade de se conhecer melhor, trocar experiências e estreitar os relacionamentos. Devido a isso, a interação entre toda a equipe fica fortalecida.

Outra ferramenta fabulosa para aumentar o diálogo no ambiente interno da empresa é a rede social corporativa. Por meio dela, informações sobre o andamento de tarefas, prazos para entrega de um trabalho e avaliação da eficácia de um projeto são compartilhadas rapidamente.

Seja um bom líder

Para que um líder seja eficiente na gestão de pessoas, os seus colaboradores precisam admirá-lo e respeitá-lo. E isso não se consegue fazendo a equipe trabalhar com medo ou preocupada com as broncas que podem levar do chefe.

Um ambiente de pressão extrema não ajuda em nada no correto gerenciamento dos colaboradores. Uma das consequências dessa atitude errada do gestor é a perda de grandes talentos profissionais para outras empresas.

Por isso, os colaboradores precisam perceber que o seu líder quer o melhor para eles e quer ajudá-los a dar o melhor de si em suas tarefas.

Geralmente, os gestores que escutam os membros de sua equipe têm mais facilidade na gestão de pessoas. Um modo de escutar os funcionários é por meio da realização de reuniões periódicas.

Nestas ocasiões, o líder pode dar a palavra a todos os colaboradores que quiserem falar sobre algum assunto relacionado ao ambiente de trabalho. Durante essas conversas, podem surgir sugestões interessantes que facilitam as demandas do setor.

Quando essas sugestões são aplicadas, o líder demonstra para a equipe que respeita as suas opiniões. Como retribuição, os colaboradores passam a admirar ainda mais o seu gestor.

Recompense

Algumas empresas implantaram a política de recompensas e premiações para fazer seus funcionários mais felizes. Essa é uma excelente maneira de motivar a equipe interna e melhorar a gestão de pessoas.

Para isso, podem ser concedidas várias formas de gratificações, como dias de folga, troféus, descontos em faculdades, viagens, prêmios em dinheiro, etc. Estas recompensas são dadas para os funcionários que apresentam o melhor desempenho em suas tarefas.

A organização Kimberly-clark, indústria de higiene e bem-estar, bonifica os trabalhadores que contribuem para o crescimento da empresa. Por exemplo, se um funcionário aumenta as suas vendas, ele ganha pontos que pode trocar por vários prêmios ou por uma viagem.

Essa instituição tem mais de cinco mil funcionários no Brasil e tem obtido excelentes resultados com essa política de recompensas. Do mesmo modo, um líder pode pensar em formas diferentes de premiar os melhores de sua equipe.

Estabeleça metas

Metas de curto e longo prazo são muito importantes para direcionar os esforços dos funcionários da empresa. Sendo assim, o líder deve definir junto com sua equipe os alvos que o setor deseja atingir.

Após isso, deixe à vista dos colaboradores a meta que foi estipulada e as etapas para atingi-la. Você pode fazer um cronograma do projeto em um quadro de anúncios que fique em uma área de circulação do setor.

A cada fase completada, comemore junto com todos os colaboradores e aponte para as ações que precisarão ser cumpridas na próxima etapa.

Identifique os talentos profissionais

Um bom gestor de pessoas sabe identificar um colaborador que se destaca entre os outros da equipe. Essa prática é conhecida como gestão de talentos. Quando isso é feito, o líder consegue desenvolver esses profissionais para que se tornem os “curingas” do setor.

Algumas funções de supervisão podem ser delegadas a esses colaboradores; essas tarefas vão prepará-los para um cargo de liderança no futuro. Com a ajuda desses colaboradores de alto desempenho, o líder pode inovar o modo como são realizadas as tarefas do setor, pois profissionais desse nível costumam ter boas ideias.

Fazendo isso, o gestor contribui para a retenção de talentos na empresa e evita que eles saiam em busca de outras instituições que valorizem todo o seu potencial. Portanto, continue a implantar soluções eficientes no gerenciamento de pessoas de sua empresa para ter sucesso em seus processos internos!

Esse artigo ajudou você a entender como fazer uma boa gestão de pessoas? Então aproveite para entender como usar o ponto mobile para a gestão de funcionários!

eBook Guia da Comunicação Interna

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça o cadastro simplificado e comece a usar agora!